quinta-feira, 7 de julho de 2016

Impossible triangle

85 kg de canetas BIC
Tua ausência é tão violenta quanto tua presença

A cidade agrupa-se em 11 categorias distintas
São elas formatos ditados pelo sem-rumo à ambiguidade e pela arte in situ.
Permaneço num estado de simetria sobre a superfície citadina
Exponho a organização da desordem elevada a sua raíz
Enquadro pessoas no centro de planos –
um desenho para pairar entre categorias.
Meu estado de consciência modificado expõe as fundações de museus.
Caminhando entre as dimensões que rasgam a cidade em infinitos
colho os frutos da lezíria:
Eu querer ver
faz-me ver o que quero.
A sensação de água subindo pelo nariz acusa o peito
– O Mar do norte é muito raso e violento –
titubeio para compreender meu modelo de mundo &
faço experimentos como o daquele cientista norte-americano
que explica às crianças que a vespa sempre volta a buscar a esperança no mesmo lugar.
A dimensão dos fatos isola quem se contém:
tudo será tão patético que não vale a pena comentar.
Quem constrói barcos entende bem de rigidez e flexibilidade.
O plural das veredas nos afasta
Somos 2 coisas reais num local irreal com funções extremamente paralelas
Incabíveis em qualquer espelho até que se nomeie e categorize
Perdidos entre fluidos
nem Por contato nem Por semelhança a magia se dá por completo.

Nenhum comentário: